Destaque em Salário Mínimo 2015

Atualizações anteriores



Valor Salário Mínimo PR – Piso Regional sofre Reajuste de 8,8%


Governo do Paraná reajusta valor do salário mínimo Regional. Novo Salário varia de R$ 1.032 a R$ 1.192.

No início deste mês de maio, o Governo do Estado do Paraná aprovou um reajuste de 8,8% no Salário Mínimo Regional. Com isso, a partir deste mês o salário mínimo do estado irá variar de R$ 1.032 a R$ 1.192, dependendo da categoria.

Segundo o Governo do Estado do Paraná, o cálculo do novo salário mínimo regional levou em conta a Inflação do ano passado (medida através do Índice Nacional de Preços ao Consumidor) e também o Produto Interno Bruto de 2013. Vale lembrar que tanto o INPC como o PIB é calculado anualmente pelo IBGE.

Com este reajuste, o Paraná passou a ser o estado com maior salário do Brasil, isso levando em consideração todos os outros estados que também adotam o salário mínimo regional.

Para aqueles que não sabem, no Paraná o Salário Mínimo Regional é dividido em quatro faixas. Cada faixa possui um valor de salário, que é oferecido para profissionais de determinadas áreas. Confira abaixo mais detalhes sobre o valor oferecido para cada uma das faixas salariais:

  • Faixa 1: Esta faixa é para profissionais que realizam atividades agropecuárias, florestais e de pesca. O valor do mínimo para estas pessoas será de R$ 1.032.
  • Faixa 2: Esta faixa é reservada para profissionais que trabalham com serviços administrativos, são empregados em serviços, trabalham como vendedores do comércio ou realizam atividades de reparação e manutenção. Para estes profissionais o salário mínimo regional será de R$ 1.070.
  • Faixa 3: Esta faixa é reservada para profissionais que atuam em atividades industriais com produção de bens de consumo ou serviços. Estes trabalhadores receberão um salário mínimo de R$ 1.111.
  • Faixa 4: Esta faixa é para profissionais que trabalham como técnicos de nível médio. Os trabalhadores receberão um mínimo regional de R$ 1.192.

Para aqueles que não se lembram, o valor do Salário Mínimo Nacional atualmente é de R$ 788. Este valor passou a valer a partir do dia 1º de janeiro deste ano. Além disso, recentemente o Congresso prorrogou o prazo de vigência da Medida Provisória de Número 672/2015 (MP-672/2015). Com isso, a atual regra para o reajuste do Salário Mínimo valerá até o ano de 2019. Vale lembrar que atualmente o Valor do Salário Mínimo é calculado levando em consideração o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) do ano anterior e também a variação do Produto Interno Bruto (PIB) dos dois anos anteriores.

As Medidas Provisórias possuem o peso de uma lei e vigora por 60 dias, prorrogáveis por mais 60. Neste prazo a MP deverá ser analisada por uma comissão mista do Congresso. Se a comissão achar necessário realizar alterações, a MP passa a tramitar então como projeto de lei de conversão.



Maiores Salários Mínimos do Mundo em 2015


Confira aqui os valores dos maiores salários mínimos do mundo neste ano de 2015.

Você já deve ter se perguntado que países têm os maiores salários mínimos do mundo, ainda mais, com o salário do Brasil, estipulado em R$ 784,00 por mês.

Para se ter um salário consideravelmente alto, é preciso que os países, além de serem exemplos na garantia de um trabalho justo, tenham leis e políticas que regularizem o valor mínimo base registrado na Organização Internacional do Trabalho (OIT).

Abaixo, listamos os dez países que lideram o ranking. O Brasil, por sua vez, ficou na 42ª posição.

  1. Luxemburgo: Desde 2011, Luxemburgo passou a ter uma estrutura salarial. Isto significa que, o salário mínimo do país considera, além da experiência desenvolvida pelo trabalhador, a idade e período de trabalho. Assim, aqueles que têm mais de 18 anos de idade, recebem no mínimo US$ 10,7 por hora, o equivalente a R$ 4 mil mensais. Outro fator interessante no governo de Luxemburgo é que trabalhadores qualificados ou experientes têm aumento em 20% no salário mínimo.
  2. França: Neste país, os empregados recebem de acordo com a carga horária trabalhada, que deve atingir 152 horas mensais. Dessa forma, cada pessoa recebe 10,6 dólares por hora, o equivalente a R$ 3,7 mil mensais.
  3. Austrália: O país, situado na Oceania, é o que melhor paga os trabalhadores, que recebem cerca de US$10,20 dólares australianos por hora. Ou seja, um cidadão australiano recebe em média R$ 3,7 mil por mês.  Além disso, estagiários, aprendizes e trabalhadores juniores também têm salário regulamentado.
  4. Bélgica: Na Bélgica, uma lei de salário mínimo entregou em vigor em 2012. Os que têm mais de 21 anos recebem salário de R$3,8 mil mensais.
  5. Holanda: Apesar de ter carência de mão de obra, a Holanda detém um salário mínimo de R$3,9 mil por mês.
  6. Irlanda: Na Irlanda, os trabalhadores recebem R$3,5 mil mensais e, 9 dólares por hora trabalhada.
  7. Nova Zelândia: No país vizinho da Austrália, os empregados recebem, no mínimo, US$8,60 dólares por hora trabalhada, o que totaliza R$3,3 mil mensais.
  8. Reino Unido: Desde 2011 uma nova lei vigora no Reino Unido. Maiores de 21 anos de idade recebem R$3 mil mensais e US$7,90 por hora.
  9. Canadá: Cada província do Canadá possui um valor específico de salário mínimo, variando de 9,95 a 11 dólares canadenses. Assim, os canadenses chegam a receber R$3 mil por mês.
  10. Estados Unidos: No país o valor do salário mínimo é de US$ 7,1 por hora, o que dá US$ 1,2 mil por mês (cerca de R$ 2,7 mil).

História do Salário Mínimo:

Para aqueles que não sabem, o salário mínimo surgiu como forma de controlar a proliferação de estabelecimentos que apresentavam condições de trabalho deploráveis na indústria manufatureira. Naquela época, as indústrias empregavam um grande número de jovens e mulheres, porém, os remuneravam com salários bem mais baixos se comparado com de homens adultos. Sendo assim, o salário mínimo foi criado como forma de remunerar todos os trabalhadores de forma mais justa.

Por Andréa Ortiz