Atualizações anteriores



Multimoeda é defendida por Mantega


Atacando direta e indiretamente a injeção de US$ 600 bilhões na economia norte-americana proveniente do banco central do país, o Federal Reserve (Fed), Guido Mantega, ministro da Fazenda brasileiro, avaliou que o sistema financeiro mundial deve ser reformulado para afastar a ideia de fundamentar-se somente no dólar.

Em sua visão, a alteração deveria acontecer para atalhar que casuais colapsos nos Estados Unidos apreendam os demais países. Acredita, de acordo com a Band Online, que o interessante seria deliberar uma nova ordem no sistema de finanças global por meio de uma conjuntura denominada multimoeda.

Ressabiado com a atitude levada adiante pelos EUA, Mantega ressaltou que o problema fica pior quando a nação mais importante adota esse tipo de política, ou seja, a famigerada guerra cambial. Mesmo assim, mostrou-se confiante com a possibilidade de a cúpula do G20 (grupo que compreende os 20 países mais desenvolvidos do planeta e emergentes) decidir algo relevante para o mundo.

Mantega acredita que o relatório final do debate do G20 abarcará o sinal de alerta de fatia da comunidade internacional sobre a iminência de desequilíbrio sobre a economia derivado da adoção de medidas distintas a partir de alguns governos.

Por Luiz Felipe T. Erdei