Previsão do Salário Mínimo 2022 – Valor Previsto


Valor do Salário Mínimo em 2022 pode chegar a R$ 1.210. Confira aqui mais detalhes.

Estamos nos últimos dias de 2021 e os brasileiros assalariados já estão na expectativa por saber o valor do novo salário mínimo, previsto para 2022. Como todos sabem, o valor atual do salário mínimo brasileiro é de R$ 1.100,00.


De acordo com algumas informações que constam no texto de Hugo Leal, deputado do PSD-RJ e também relator do Orçamento de 2022, o salário mínimo poderá passar de R$ 1.100,00 para R$ 1.210,00. Ou seja, um aumento de R$ 110,00.


O parecer cujo este valor consta foi apresentado no último dia 20, na CMO, que é a Comissão Mista de Orçamento do Congresso.


Este aumento de R$ 110,00 representa o equivalente a 10,04% do atual salário mínimo brasileiro.


Outros valores chegaram a ser considerados para o aumento. Porém, essa variação de valores se deu em razão do INPC, que é o Índice Nacional de Preços ao Consumidor, que é o indicador de aumento do salário mínimo brasileiro.

De acordo com o deputado Hugo Leal, esta projeção já se encontra defasada e já se aponta uma previsão mais atualizada que seria de 10,18%. De modo que esse valor poderia mais uma vez ser atualizado.

Se for o caso deste valor prevalecer, o salário mínimo vai subir para R$ 1.212 em 2022.

Vale ressaltar que a proposta original do governo, que foi enviada no mês de agosto, previa o valor do novo salário em R$ 1.169, porém, este montante não considerava a inflação que está acima do que era previsto para o segundo semestre deste ano de 2021 e que foi provocada por reajustes nos valores dos combustíveis e da energia.

Apesar de todas essas considerações, ainda não se pode afirmar qual será realmente o valor que o salário mínimo terá no ano de 2022. Assim, este valor só será de fato conhecido no final do mês de janeiro, quando é realizada a sua divulgação pelo INPC que é consolidado ainda em 2021, o que é feito pelo IBGE, que é o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística.

Uma outra informação sobre o aumento de salário, é a de que Leal não acatou o pedido feito pelo Ministério da Economia, que visava a inclusão de um reajuste de salário para os servidores federais que atuam na área de segurança.

Há alguns dias a pasta fez o envio de um ofício em que era solicitado uma reserva no valor de R$ 2,8 bilhões do Orçamento do ano de 2022 para a realização do reajuste do salário de outras categorias.

Desse modo, desse valor total, R$ 2,5 bilhões seriam do Orçamento primário (que é formado por arrecadação de tributos) para assim poder pagar os tais reajustes.

Assim, os R$ 355 milhões que iriam restar deveriam sair da emissão dos títulos públicos para o financiamento de um aumento vindo da União como contribuição para a Previdência dos servidores.

A realidade é que sendo um ou outro valor, os brasileiros estão necessitados desse aumento. Com o reflexo da pandemia, a vida ficou muito mais difícil para quem vive apenas do salário mínimo.

Já é mais que esperado como em todos os anos que o valor do aumento não seja compatível com o custo de vida do brasileiro. Os brasileiros estão passando sufoco para colocar comida na mesa, já que arroz, feijão, óleo, carne e outros alimentos estão custando caro, além do valor do gás, energia elétrica e gasolina que subiram também neste ano de 2021.

A expectativa é de que as coisas fiquem um pouco melhor no próximo ano e que as pessoas tenham um pouco mais de qualidade de vida, com um custo de vida que seja compatível com o salário que ganham. O que na verdade nunca aconteceu, porém, ficou pior neste ano de 2021.


Ana Paula


Outros Conteúdos Interessantes

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.