De quanto é o 13º salário do Bolsa Família?



O Bolsa família, programa criado em 2003, tem como objetivo pagar uma renda básica para famílias que se encontram em pobreza extrema, ajudando as mesmas para que tenham uma qualidade de vida melhor.

As famílias que possuem o total de até R$89,00 a R$178,00 por mês de renda no final do mês tem direito ao bolsa família, portanto se você se encaixa nisto, poderá receber, com a condição de que em sua formação tenham gestantes e crianças/adolescentes com idade entre 0 e 17 anos, ajudando com que todos tenham direito a alimentação de qualidade, acesso aos estudos e a saúde digna.



Atualmente, mais de 13,9 milhões de famílias estão inscritas e tem sua vida melhorada pelo Bolsa Família, para que consigam, com a ajuda do governo, vencer a pobreza extrema e a fome. O pagamento do benefício é feito pela Caixa Econômica Federal, e a origem da sua renda é da União, tendo como intermediadora o Ministério da Cidadania.

O cadastramento para o programa se é exigido que a família já esteja participando do Cadastro Único destinado para programas sociais oferecidos pelo governo, tendo seus dados e informações atualizados a menos de dois anos.



Décimo Terceiro

O governo federal decidiu que parte das pessoas inscritas no Bolsa Família também teriam direito ao recebimento do 13º Salário, com o intuito de ajudar ainda mais essas famílias.

Mediante ao corona vírus, em Março deste ano, o decimo terceiro para participantes do bolsa família havia sido cancelado, já que o país está passando por uma grande crise econômica. Entretanto, o presidente Jair Messias Bolsonaro, recentemente, confirmou que haverá com certeza um agrado a parte das pessoas que estão inscritos no programa no próximo mês do ano, o que deixou todo mundo muito feliz e animado com a noticia.

Leia também:  Salário Mínimo Ideal - Valor em Janeiro 2018

Segundo a hipótese proposta, o valor recebido em dezembro será o dobro do valor inicial do 13º salário, e o pagamento será feito em uma “tacada” só, juntamente com a parcela do Bolsa Família no mês, sem parcelamentos, ainda no mês de dezembro.

Exemplo, se uma família cadastrada no Bolsa Família recebe o valor de R$ 200,00 poderá fazer o saque de até R$ 400,00.

Como o auxilio emergencial que teve este ano, o pagamento do decimo terceiro também terá um calendário, que dependerá do seu número final do NIS.

Porém, o que vale ressaltar, é que nem todos os beneficiários que recebem o bolsa família, receberão este agrado. Assim como qualquer outro benefício do governo, esse também tem algumas exigências a serem seguidas.

Além de obrigatoriamente ser escrito no Bolsa Família, claro, a família também terá que ter todas as informações atualizadas no programa, e que seja inscrito a pelo menos 5 meses, ou seja, caso você não faça 5 meses de inscrição no próximo mês do ano, pode ser que não receba o valor. Portanto, mantenha seus dados em dia, atualizados e completos, pra não colocar em risco perder por esse motivo.

Mas ainda não há nada que confirme com toda certeza, a conclusão e a tomada de atitude será por parte do congresso do país e do presidente, portanto, é necessário e aconselhado que você esteja diariamente de olho nas novas informações caso seja um beneficiário, presando sempre por sites confiáveis e de preferência do governo.

Não há a necessidade de fazer nenhum tipo de solicitação ou inscrição, o valor cairá automaticamente na conta na qual você já recebe seu benefício, sendo necessário apenas realizar o saque do dinheiro na data correta.

Leia também:  Bancos estão dispostos a renegociar dívidas de clientes

Outros Conteúdos Interessantes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *