Consumidor mostra sinais de confiança no mercado



  

Apesar da alta de alguns alimentos, o consumidor se mostra otimista em relação à economia do país.

O consumidor brasileiro está mais confiante na economia do país. De acordo com a Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (Fecomércio-SP), que realiza o cálculo mensal do Índice de Confiança do Consumidor (ICC), o indicador para o mês de junho sofreu uma alta pela primeira vez em 40 meses, com base na comparação anual. O principal motivo para o aumento do otimismo do consumidor é a perspectiva de que a pior fase da crise econômica no Brasil já passou.

Segundo a escala do índice, que varia entre zero a 200, onde a maior pontuação significa maior otimismo, o mês de junho elevou o indicador a 98 pontos. Esse número é o maior desde abril de 2015 e, comparado ao mês de junho do ano passado, a alta foi de 8,2%, o que significa o primeiro aumento mensal e anual desde o mês de janeiro de 2013.

Leia também:  Reforma Previdenciária - Informações

Um das fontes de cálculo do ICC, conhecido como Índice das Expectativas do Consumidor (IEC) impactou fortemente na elevação do indicador, visto que ele subiu 7,2% comparado ao mês de maio, batendo os 128,5 pontos, um crescimento significativo de 26,6% em relação ao mesmo período do ano anterior.





voltando a apresentar sinais de confiança.

Consumidores menos pessimistas

Apesar do aumento no preço de alimentos importantes na mesa do brasileiro, como feijão, arroz e leite, o otimismo dos consumidores representa um voto de confiança para a nova equipe econômica, salienta a Fecomércio-SP. A entidade alerta, porém, que esse voto de otimismo "é relativamente curto", em especial por conta das mudanças constantes no processo político e pela profundidade e extensão da crise.

Para aumentar a confiança dos consumidores no mercado, a Fecomércio-SP aponta que é preciso que o país disponha de uma efetiva política econômica, o que inclui reformas estruturais, cortes nas despesas públicas, delimitação dos gastos do setor público, além de privatizações.

Leia também:  Saque do FGTS Inativo - Calendário de Pagamento Oficial

O aumento na confiança dos consumidores na economia brasileira reflete positivamente em empresas de tradição como a Barion, que se tornou uma indústria moderna e respeitada ao longo dos anos, oferecendo produtos de qualidade com sabor delicioso e irresistível. Clique aqui para conhecer os produtos e a história da Barion.