Governo poderá criar novo imposto temporário




Novo imposto seria uma estratégia para enfrentar a dificuldade que o Governo está encontrando para colocar as contas públicas em dia e ajudar na tentativa de contornar a crise econômica brasileira.

Más notícias para nós brasileiros, pois Joaquim Levi, Ministro da Fazenda, declarou em entrevista recente na Turquia, após o encontro do G20, que o governo brasileiro está cogitando a criação de um imposto temporário.

A possibilidade de criação de um imposto temporário seria uma estratégia para enfrentar a dificuldade que o governo está encontrando para colocar as contas públicas em dia e ajudar na tentativa de contornar a crise econômica. Levy declarou: "Pode ser que seja um imposto para ajudar a gente fazer essa travessia. Se a gente, em paralelo, votar as questões estruturais, e a economia for mais flexível e mais competitiva, provavelmente a gente vai poder retirar [o imposto] mais para frente''.


Leia também:  Título de Eleitor Digital - Como Fazer

Quando questionando sobre o prazo de duração do possível imposto, Levy foi vago e não deu pistas, apenas afirmou que estão numa fase de discussão, elaborando propostas.

De acordo com o Ministro da Fazenda, o imposto seria importante para evitar a degradação do grau de investimento que poderia acabar destruindo o emprego por muitos anos.

Levi foi firme ao dizer que “A gente não pode ter downgrade”, a expressão inglesa significa que o Brasil não poderia passar por um retrocesso, ou seja, a ação de voltar no tempo e trazer à tona problemas que já foram sanados.


Vale lembrar que de acordo com pesquisa publicada em maio pelo Instituto Brasileiro de Planejamento e Tributação, o Brasil está entre os 30 países do mundo que mais arrecadam impostos e é o país que oferece o pior retorno para a sociedade.

O Brasil possui uma arrecadação tributária que se assemelha aos países de primeiro mundo, mas em contrapartida, o retorno oferecido, a qualidade dos serviços, assemelha-se aos países de terceiro mundo.

O Brasil possui uma das cargas tributárias mais altas do mundo e infelizmente ainda estamos engatinhando para conseguirmos melhorar esse quadro, nos resta esperar e torcer para que se houver a criação de um novo imposto, ele não seja tão agressivo com os bolsos dos brasileiros.

Por Beatriz Duarte

Dinheiro