Valor do Salário Médio de Engenheiro em 2015



  

Pesquisa revela o valor do salário médio dos engenheiros em 2015. Engenheiro de Desenvolvimento de Produto tem os maiores salários.

A Love Mondays, comunidade de carreiras, realizou um levantamento bastante interessante sobre os salários mínimos dos engenheiros de diferentes funções e cargos. A pesquisa foi realizada em maio deste ano e obteve a participação de 1551 usuários do portal, que trabalham em 14 segmentos da engenharia. No levantamento, os profissionais relataram suas faixas salariais, bem como sua satisfação com o local de trabalho.

De acordo com a pesquisa, os salários podem se aproximar de R$ 25 mil para as funções de Engenheiro de Processos e de Projetos. Abaixo você verá alguns dos dados obtidos no levantamento.

1. Engenheiro de Processos: Salário Médio de R$ 7.305 mil. Os engenheiros de processos tem a função de estudar as atividades de produção, elaborando propostas de melhorias em equipamentos, dispositivos, processos e métodos. Além disso, cabe a eles a correção de tempos de fabricação de componentes de produtos, bem como do produto final. Com eles, as empresas conseguem um melhor aproveitamento da mão de obra e das matérias-primas.  

2. Engenheiro de Produção: Salário Médio de R$ 7.958 mil. Este profissional realiza leitura e interpretação de projetos. Em conjunto com o engenheiro de custos, ele realiza um levantamento de quantitativos para requisições de materiais, equipamentos, ferramentas e serviços. Além disso, ele elabora medições mensais de empreiteiros e tarefeiros da obra durante a inspeção de serviços.

3. Engenheiro de Desenvolvimento de Produto: Salário Médio de R$ 8.590 mil. O engenheiros de desenvolvimento de produto desenvolvem estudos e pesquisas de concorrentes e de necessidades do mercado. Com isso é possível identificar a criação de novos produtos para o mercado. Este profissional também elabora e implementa estratégias para a venda de produtos.

4. Engenheiro de Produto: Salário Médio de R$ 7.882 mil. Este profissional atua na preparação de especificações, técnicas de execução, desenhos, recursos necessários e outros requisitos que possibilitam a montagem, funcionamento, construção e manutenção de equipamentos da empresa.

5. Engenheiro Mecânico: Salário Médio de R$ 7.354 mil. O engenheiro mecânico trabalha na execução de projetos ligados à engenharia mecânica, auxiliando na construção de desenhos, técnicas de execução, especificações, recursos necessários e diversos outros requisitos. Assim ele possibilita a construção, montagem, funcionamento, reparo e manutenção de equipamentos mecânicos.

6. Engenheiro de Vendas: Salário Médio de R$ 7.845 mil. Este possui uma rotina consultiva, que auxilia o cliente nas especificações técnicas de peças, insumos, equipamentos e maquinários.





Leia também:  Saque de FGTS de Contas Inativas - Prazo para Pagamento

7. Engenheiro de Segurança do Trabalho: Salário Médio de R$ 7.298 mil. Ele é responsável por coordenar e também efetuar uma análise de projetos a serem implantados, visando minimizar os riscos de acidentes e doenças no ambiente de trabalho.

8. Engenheiro Civil: Salário Médio de R$ 7.251 mil. Trabalha em atividades ligadas a projetos para manutenção e construção de obras ligadas a viadutos, aeroportos, rodovias, pontes, edificação, entre diversas outras.

9. Engenheiro Eletricista: Salário Médio de R$ 7.016 mil. Executa, orienta e elabora projetos que estejam ligados a transmissão, distribuição e geração de energia elétrica. Elabora desenhos, especificações e outros requisitos que possibilitam o funcionamento, montagem e manutenção dentro de padrões técnicos e de segurança.

10. Engenheiro de Manutenção: Salário Médio de R$ 7.191 mil. Elabora e executa métodos de manutenção corretiva e preventiva. Também avalia o desempenho de equipamentos, identificando a possível necessidade de trocas de peças.

11. Engenheiro Agrônomo: Salário Médio de R$ 6.276 mil. Este profissional planeja todo o cuidado para o cultivo do solo, acompanhando o controle de pragas e realizando estudos para melhores processos de adubação e irrigação. 

Leia também:  Como Pagar o INSS como Autônomo

12. Engenheiro de Software: Salário Médio de R$ 5.214 mil. Desenvolve aplicativos e softwares (programas para computadores). Realiza a análise de requisitos, definindo arquitetura de produtos, testes funcionais e unitários. Este profissional também elabora documentação e relatórios técnicos para posteriores análises.

13. Engenheiro de Sistemas: Salário Médio de R$ 6.091 mil. O engenheiro de sistemas atua com processos de desenvolvimento estruturado. Este cuida de todo caminho, do conceito até o projeto do sistema. Ele também realiza a definição de requisitos de sistemas, gestão de inventário de software e hardware.