Imposto de Renda 2015 – Modelo Simplificado ou Completo – Qual é Melhor?



  

Prazo para Declaração do Imposto de Renda (IRPF) 2015 termina no dia 30 de abril. Confira qual é o melhor modelo: Simplificado ou Completo.

O prazo final para o envio da Declaração do Imposto de Renda 2015 é até o dia 30 de abril, ou seja, daqui 8 dias. Mesmo com a proximidade da data, ainda tem muitas pessoas que não entregaram a declaração e também têm dúvidas sobre qual tipo de declaração é melhor fazer. Se você é uma destas pessoas, prepare-se. pois nesta matéria iremos detalhar e informar qual tipo de declaração é melhor para você.

Primeiramente, saiba que a declaração do Imposto de Renda pode ser feita de duas maneiras. A primeira é através do Modelo Simplificado, já a segunda opção é através do Modelo Completo. Cada modelo possui vantagens de desvantagens, além de depender dos valores das despesas dedutíveis que serão informadas. Vale lembrar que estas despesas mencionadas nada mais são do que os gastos pagos no ano anterior e que podem ser abatidos da base de cálculo do Imposto de Renda.

Leia também:  Calendário para Saque do FGTS Inativo

O Modelo Simplificado é indicado para os contribuintes que não possuem muitas despesas para serem deduzidas. Nesta opção, há um desconto automático de 20% sobre os rendimentos tributáveis, sem a necessidade de comprovar as despesas. Vale lembrar que este tipo de declaração só pode ser feita por contribuintes com despesas de até R$ 15.880. Esta modalidade é indicada para pessoas que possuem apenas uma fonte de renda, que tenham poucas despesas com educação e saúde e não possuam dependentes.





Já o Modelo Completo é indicado para todos os contribuintes que tenham despesas dedutíveis superiores ao valor de R$ 15.880. Neste modelo é permitido descontar gastos com saúde, educação, empregada doméstica, despesas com previdência complementar e despesas com dependentes. Nesta opção também é possível fazer doações que podem ser abatidas no Imposto de Renda. Um detalhe importante de se mencionar é que nesta opção o contribuinte deverá ter em mãos todos os comprovantes das despesas, pois a Receita Federal poderá solicitar a apresentação dos comprovantes. Com isso, o contribuinte também evita de cair na Malha Fina.

Leia também:  Financiamento Imobiliário - Juros dos Bancos

É importante relembrar a todos que o prazo final para o envio da declaração do Imposto de Renda 2015 é o dia 31 de abril. Os contribuintes devem evitar deixar para enviar a declaração no último dia, isso porque nesta data o sistema esta congestionado e existe a possibilidade de não conseguir enviar a declaração a tempo. Caso não envie a declaração no prazo estipulado, deverá pagar uma multa de R$ 165 até 20% do valor sobre o imposto devido.