Selic poderá ter nova alta em abril



  

A taxa básica de juros deverá sofrer um novo aumento em abril, conforme prevê o Relatório de Mercado Focus. Depois que o Comitê de Política Monetária, o Copom, aumentou a taxa Selic para 12,75% ao ano, na semana passada, quase não houve mudança para a Selic no Relatório de Mercado Focus, divulgado no início desta semana pelo Banco Central brasileiro.

A taxa Selic (Sistema Especial de Liquidação e de Custódia) é um índice pelo qual as taxas de juros cobradas pelos bancos no Brasil se balizam. Esta taxa é utilizada como uma ferramenta de política monetária utilizada pelo principal órgão financeiro do país, o Banco Central, para atingir a meta das taxas de juros estabelecidas pelo Copom.   O Copom, por sua vez, tem a finalidade de estabelecer as diretrizes da política monetária e definir a taxa básica de juros. Além disso, conta com o poder e competência específica de regular a liquidez da economia, por meio de instrumentos de política monetária.

Leia também:  Salário Mínimo 2018 - Novo Valor depende da aprovação de Temer

Na reunião do Copom em abril, é esperado que um novo reajuste seja firmado pelo colegiado. A expectativa é que o aumento seja de apenas 0,25 ponto percentual, passando para 13% ao ano.  Conforme já constava na edição anterior, foi mantida a projeção de que a taxa encerrará 2015 em 13% ao ano. Há 30 dias, a previsão era de que a Selic encerrasse o ano em 12,50% ao ano, um aumento considerável de 0,5 ponto percentual. Já para o fim de 2016, a mediana das projeções também foi mantida em 11,50% ao ano de uma semana para outra. Esta é a décima semana consecutiva que a taxa está estagnada no mesmo patamar. Mesmo assim, a previsão mediana para a Selic média do ano que vem caiu ligeiramente de 11,69% para 11,68% ao ano.

Leia também:  Herdeiros podem sacar o FGTS Inativo de pessoas falecidas




Segundo a pesquisa anterior da Focus, a Selic encerrará este ano em 13% e 2016, em 11,50%.

Por William Nascimento

Selic em alta