Empregos na Construção Civil – Queda no Mês de Maio de 2013



  

O setor da Construção Civil no país teve queda no nível de empregos de 0,05% se comparado ao mês de abril, eliminando 1.751 empregos no mês de maio. De todas as regiões, apenas duas tiveram crescimento no setor: A Centro-Oeste (com 1.157 novos postos de trabalho, subindo 0,41%) e a Sul (que teve criação de 3.586 vagas, alta de 0,73%).

Os dados são do Sindicato da Indústria da Construção Civil do Estado de São Paulo, em parceria realizada com a Fundação Getúlio Vargas. A pesquisa mostrou que o desempenho de maio de 2013 foi bastante diferente do que foi constatado em maio de 2012, quando houve abertura de 17,2 mil vagas no setor.

Leia também:  Reforma Previdenciária - Informações

O presidente do Sindicato da Indústria da Construção Civil do Estado de São Paulo, Sergio Watanabe, informou que a redução dos postos de trabalho é decorrente da redução dos investimentos feitos no Brasil, porém, espera-se que esse quadro seja revertido até o final do ano.





Mesmo após o recuo em maio, o setor continua em alta se somar os acumulados desde janeiro, totalizando crescimento de 3,34%. Nos acumulados, o setor totaliza 3,486 milhões de pessoas trabalhando, sendo 285,6 mil na região Centro-Oeste e 491,8 mil na região Sul.

Por Jéssica Posenato