IPC-S apresentou queda na 3ª semana de maio de 2012



  

O Índice de Preços ao Consumidor Semanal (IPC-S) sofreu retração de 0,5% na terceira semana de maio (relativa ao dia 22), resultado 0,05 ponto percentual menor do que o índice registrado na segunda semana do mesmo mês. Os dados foram apurados pela Fundação Getúlio Vargas (FGV) e divulgados na quarta-feira (23 de maio).

O resultado do dia 22 de maio apresentou queda em sete dos oito segmentos avaliados. A maior retração foi no setor de Saúde e Cuidados Pessoais, cujo índice passou de 1,04% para 0,81%. Neste grupo, o item medicamentos em geral foi o que apresentou maior redução de preços, caindo de 2,29% para 1,81%.

Os outros segmentos que apresentaram decréscimo foram: Educação, Leitura e Recreação (que passou de 0,15% para 0,11%); Comunicação (-0,21% para -0,27%); Vestuário (0,53% para 0,44%); Transportes (0,21% para 0,17%); Alimentação (0,53% para 0,48%); e Despesas Diversas (4,12% para 3,96%).





Por outro lado, o setor de Habitação teve crescimento no IPC-S, passando de 0,47% para 0,49%. Os itens que apresentaram maior destaque foram a mão de obra para reparo em residência (que saiu de 1,16% para 1,56%), a tarifa de eletricidade residencial (-0,48% para -0,76%) e aluguel residencial (0,55% para 0,62%).

O próximo relatório do IPC-S será publicado no dia 1º de junho.

Por Matheus Camargo

Fonte: FGV