FGV registra Alta do IPC-C1 em Março de 2012




O estudo da Fundação Getúlio Vargas (FGV) sobre o Índice de Preços ao Consumidor-Classe 1 (IPC-C1) registrou alta de 0,55% no mês de março, sendo que nos últimos 12 meses o acumulado do índice foi de 5,09%.

No mesmo mês, o IPC-BR teve alta de 0,6%, sendo que o acumulado dos últimos 12 meses foi de 5,5%.


Das oito classes analisadas, cinco grupos sofreram aumento no indicador. O setor de Alimentação passou de -0,04% para 0,62%; a Habitação saiu de 0,38% para 0,72%; o segmento de Saúde e Cuidados Pessoais cresceu de 0,39% para 0,77%; o Vestuário foi de -0,04% para 0,59% e o setor de Educação, Leitura e Recreação saiu de 0,16% para 0,75%. As acelerações foram motivadas principalmente pelos seguintes itens: carnes bovinas, taxa de água e esgoto residencial, artigos de higiene e cuidado pessoal, roupas e show musical.

Leia também:  Valor do Salário Mínimo 2019 - Previsão do Governo

Já segmento de Despesas Diversas apresentou o mesmo resultado da avaliação anterior, ou seja, 0,27%.

Por fim, os segmentos de Transportes e Comunicação registraram recuo, o primeiro passou de 0,71% para 0,13% e o segundo passou de 0,06% para -0,34%. As taxas de telefone e de ônibus urbano foram os itens que mais influenciaram estes resultados.


Fonte: FGV

Por Matheus Camargo