Queda no Rendimento Médio do Trabalhador – Janeiro de 2012



  

De acordo com a Pesquisa de Emprego e Desemprego realizada pela Fundação Seade em parceria com o Dieese, o rendimento médio dos trabalhadores empregados apresentou queda no primeiro mês do ano em comparação ao mês anterior. Vale ressaltar que a pesquisa é realizada em sete regiões metropolitanas.

Foram também pesquisados os rendimentos médios do grupo denominado como ocupados, nesse caso, além dos assalariados também são levados em consideração os trabalhadores autônomos. Nesse segmento, a renda média atingiu um valor de R$ 1,4 mil, o que representa uma queda de mais de 2%.

Mesmo nesse cenário, algumas regiões registraram aumento na renda, como Fortaleza, Distrito Federal e Salvador, que apresentaram alta de 4,6%, 0,8% e 0,8%, respectivamente.

Leia também:  Saque de FGTS de Contas Inativas - Prazo para Pagamento




As perdas maiores foram constatadas na cidade de São Paulo. A queda na capital foi de 4%, sendo que o valor mensal fechou em R$ 1,5 mil.

A cidade de Recife fechou o mês com rendimento de R$ 1 mil. Já Belo Horizonte e Porto Alegre ficaram com o valor de R$ 1,4 mil.

De acordo com Patrícia Costa, economista do Dieese, os assalariados tendem a compensar essas perdas ao longo do ano devido à queda da inflação.

Por Joyce Silva