Passagens de metrô no Brasil – Preços altos



  

Depois de tantas manifestações envolvendo o transporte público no Brasil, finalmente uma pesquisa foi feita para revelar que realmente estamos pagando caro.

O brasileiro gasta mais do que um argentino ou um chileno para trafegar entre as linhas do metrô. Como se não bastasse, o Brasil ainda fica na frente de outros tantos países da América Latina, no quesito passagens de metrô.

Em Buenos Aires, a passagem chega a ser pouco mais que R$ 1. Na grande cidade de São Paulo este valor chega a mais de R$ 3. Já em Santiago do Chile, uma das cidades mais movimentadas e caras do continente, o passageiro só precisa gastar R$ 2,40 para andar de metrô e aproveitar os benefícios de transporte do governo.





Em cidades europeias, o nosso país chega a perder por pouco. Em Paris a passagem custa mais de R$ 4 e em Nova York, o bilhete único custa quase R$ 5.

Se compararmos o custo de vida de um europeu com o de um brasileiro e toda a estrutura dos países de lá, não precisamos de grande explicação para saber que o Brasil exagera na passagem de metrô. 

Por Jéssica Monteiro

Fonte: Uol