Quantidade de cheques fraudados diminuiu em 2011



  

Em pesquisa divulgada pela empresa TeleCheque ficou constatada que a quantidade de cheques fraudados no país teve uma queda de mais de 40% em 2011, o ano de 2010 fechou com um total de 0,18%, e em 2011 esse percentual caiu para 0,10%. Fazendo uma comparação entre os meses de dezembro dos dois anos, o estudo revelou que em 2010 o número foi de 0,12%, e em 2011 foi de 0,11%.

Segundo o presidente José Antônio Praxedes, presidente da TeleCheque, uma das explicações para essa queda foi o fato de os comerciantes estarem mais atentos na hora de realizar transações com cheques. Praxedes também ressaltou o serviço oferecido pela TeleCheque que verifica a autenticidade do documento de identidade apresentado pelo cliente.

Leia também:  Saque do FGTS Inativo - Calendário de Pagamento Oficial




Para os próximos anos a previsão é que esse número continue caindo, principalmente por causa das mudanças apresentadas pelo Banco Central com relação aos cheques, o que torna ainda mais difícil fraudá-los.

Segundo as novas regras do BC, os bancos são os responsáveis por fornecer informações financeiras dos clientes aos comerciantes, sendo que esses dados precisam ser mais completos. Anteriormente os responsáveis por fornecer esses elementos eram outras instituições, como o Serasa.

Por Joyce Silva