Serasa Experian – Inadimplência com cheques sem fundo caiu para 5,8% em abril



Os cheques ainda são um dos principais meios utilizados pelos brasileiros para o pagamento de serviços e compra de bens. Obviamente, o sistema de papel cada vez mais perde seu espaço ante os dinheiros de plástico, vulgo cartões de crédito e débito, mas nada que faça tornar seu uso dispensável.

O Indicador de Cheques Sem Fundo divulgado pela Serasa Experian, na segunda-feira (23 de maio), acusou que a inadimplência com cheques recuou 5,8% no mês de abril em comparação a março. Em taxas mais elucidativas, do total emitido apenas 2,00%, no período, foi devolvido.



Segundo a Serasa Experian, entretanto, o volume de cheques devolvidos aumentou 7,5% no comparativo com abril de 2010. No quadrimestre inicial de 2011, o índice de cheques devolvidos chegou a 1,92%, sensível aceleração frente o percentual de 1,91% do período igual de um ano atrás.

Leia também:  Consultar Nome no Serasa Experian pelo Computador

Como é possível presumir, o término do pagamento do Imposto sobre a Propriedade do Veículo Automotor (IPVA), as principais despesas escolares de início de ano (uniformes e materiais), além do final de parcelamentos de viagens de férias e compras relacionadas ao Natal, incidiram nos dados do levantamento.

Por Luiz Felipe T. Erdei