Demanda do Consumidor por Crédito – Aumento em Março 2011



  

Estudo divulgado pela Serasa Experian na quarta-feira (6) assoalhou incremento de 5,7% na demanda por crédito proveniente dos consumidores em março em comparação a fevereiro deste ano. No 1º trimestre, o Indicador da Demanda do Consumidor por Crédito atingiu índice de 12,9% (acumulado) em relação ao período igual de um ano antes.

O índice registrado pela Serasa, porém, foi mais ameno em comparação ao avanço de 16,4% constatado no decorrer de 2010, assim como também ocorreu no confronto com o 4º trimestre do ano passado, período em que fora diagnosticado índice de 18,3%





O resultado aponta que a procura dos consumidores por crédito, como já esperado há várias semanas, tem apresentado desaceleração. O grande motivador para essa tendência é, sem poucas dúvidas (ou qualquer uma), as medidas macroprudenciais de restrição do crédito encabeçadas pelo Banco Central (BC). Outro ponto passível de análise é o atual ciclo de aumento da taxa básica de juros da economia, a Selic.

Leia também:  Regras para o Pagamento do Cartão de Crédito

Apesar desses resultados, é praticamente certa a inserção de novas medidas para colocar um novo freio no consumismo dos brasileiros. O grande temor das autoridades é a possibilidade de elevação da inflação, embora, nem de perto, se aproxime de tempos atrás.

Por Luiz Felipe T. Erdei