Abras – Vendas reais em supermercados – Fevereiro de 2011



As perspectivas de crescimento do setor supermercadista brasileiro para a Páscoa são as mais otimistas possíveis. Segundo a Associação Brasileira de Supermercados (Abras), o avanço nas vendas deve chegar a 10,6%, índice parcialmente justificado em função das encomendas mais elevadas de produtos ligados à ocasião.

Enquanto o segmento se prepara, preocupa-se também em divulgar dados passados. Segundo o Índice Nacional de Vendas da Abras, as vendas reais do ramo saltaram 2,77% no mês passado em comparação a fevereiro de 2010, porém recuaram 7,1% no confronto com janeiro de 2011. No acumulado bimestral, a taxa registrada foi positiva: 3,24%.



De acordo com Sussumu Honda, presidente da associação, o arrefecimento de fevereiro contra janeiro era aguardado, pois esse período possui menos dias (28 ao todo, contra 31 do mês imediatamente anterior). Mesmo assim, outros fatores acabaram prejudicando as vendas, como é o caso da volta às aulas e o pagamento de impostos, como o IPVA.

Sussumu, porém, prevê bons índices a partir do próximo mês, que culminará, em sua óptica, no crescimento das vendas em 4% ao final de 2011.

Por Luiz Felipe T. Erdei