Pesquisa Preço Médio da Refeição 2011 – RJ tem Refeição Mais Cara



  

Com tempo cada vez mais escasso, ou por opção mesmo, parte dos brasileiros procura se alimentar fora de casa. Desde um prato feito comum , conhecido por PF, até culinárias de outros países, tais como japonesas, árabes e italianas, o custo é dessemelhante entre as regiões.

De acordo com a Pesquisa Nacional 2011 da Associação das Empresas de Refeição e Alimentação Convênio para o Trabalhador (Assert), os cariocas são os que pagam mais caro para comer em locais que não seus lares. Apoiado pela Sodexo Motivation Solutions, o levantamento considera “comer fora de casa” uma refeição com prato principal, refresco não alcoólico, sobremesa e café.





Leia também:  Como Calcular o Valor do Seguro-Desemprego

O estudo revela que os residentes no Rio de Janeiro destinam R$ 26,57 por refeição, mais de R$ 4 reais acima da média da região Sudeste, que é de R$ 22,19. O valor a mais aos cariocas pode ser embasado no percentual de 5,91% do Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA). Além desta recorrência, o valor dos alimentos e a economia local aquecida completam as justificativas.

Para Geraldo Franca, presidente da Sodexo, a alta dos alimentos e o maior acesso dos brasileiros a restaurantes recaíram sobre os preços médios praticados e reunidos pelo estudo.

Por Luiz Felipe T. Erdei