BC – IPCA, Selic e PIB – Perspectivas para 2011



  

Após as comemorações de final de ano, eis que o mercado financeiro continua suas atividades, já sob as mãos da nova equipe econômica nomeada pela presidente Dilma Rousseff. Dados divulgados nesta segunda-feira (dia 3 de janeiro) pelo Banco Central elevaram a perspectiva de inflação medida pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) deste ano, para 5,32% contra 5,31% de antes, porém, sustentou a estimativa de 2010, em 5,90%.

De acordo com o relatório Focus, a Selic, taxa básica de juros da economia, foi mantida em 12,25% no final de 2011, índice consideravelmente acima dos atuais 10,75%. Em relação ao Produto Interno Bruto (PIB) os índices permaneceram imutáveis ante os divulgados na semana passada, em 4,50% para este ano e 7,61% para 2010.





Por Luiz Felipe T. Erdei

Fonte: Terra