CNI – Nível de Confiança das Empresas – Novembro de 2010



  

Conquista relativamente recente, o bom momento da economia brasileira incide de maneira positiva sobre os empresários, tanto que o otimismo deles continua alto neste mês, em 62 pontos, porém abaixo dos 62,8 de outubro. De acordo com a Confederação Nacional da Indústria (CNI), mesmo assim o indicador está num nível avançado, pois valores superiores a 50 pontos sugerem confiança.

Em nota, a confederação examina que dos 26 segmentos da indústria de transformação relacionados no levantamento, 18 encabeçam indicadores além da média histórica. Segundo o portal de Economia Terra, a construção civil acumula 63,5 pontos e a indústria extrativa 64,1 pontos, avanço respectivo de 1,9 ponto e 0,6 ponto entre outubro e novembro.





Apesar desses bons dados, a indústria de transformação é aquela que mais apresentou recuo, de 62 pontos para 60,6 pontos. No acumulado de 2010, pois, o segmento contabiliza míngua de 6,7 pontos.

Ao bifurcar o levantamento por porte de companhias, as pequenas registraram recuo para 60,8 pontos e as médias para 61,1 pontos.

Por Luiz Felipe T. Erdei