Inadimplência do consumidor cresce em outubro



  

Levantamento edificado pela Serasa Experian, então divulgado na quarta-feira, 10 de novembro, assinalou avanço do índice de inadimplência em 1,8% no mês passado ante setembro. A entidade acredita que o incremento do endividamento e o comprometimento da remuneração mensal com aquisição de bens foram os elementos que nutriram a alta no percentual.

Entre janeiro e setembro a inadimplência acumula avanço de 3,3% em comparação ao período similar do ano passado. No confronto de outubro ante mês igual de 2009, de acordo com o portal de Economia Terra, percebe-se crescimento de 16,9%.





As grandes responsáveis pelo aumento no Indicador de Inadimplência do Consumidor foram as dívidas não bancárias (em 3%), que representam lojas, prestadoras de serviços básicos, financiamentos e cartões de crédito. Por outro lado, considerando-se somente dívidas bancárias constata-se arrefecimento de 1,2%.

Leia também:  Consultar Nome no Serasa Experian pelo Computador

Mesmo com a alta da inadimplência entre setembro e outubro, a Serasa confia que ocorrerá atenuação do indicador em breve, causada principalmente pela injeção do 13º salário nos bolsos do consumidor e consequentemente na economia.

Por Luiz Felipe T. Erdei