Dilma Rousseff – Alteração na Metodologia do Reajuste do Salário Mínimo



  

Após obter mais de 55 milhões de votos no segundo turno da eleição presidencial, Dilma Rousseff afirmou na última quarta-feira, 3 de novembro, que está apreciando a possibilidade de alterar a metodologia de reajuste do salário mínimo.

Caso as pretensões da petista sejam vistas e acatadas, é bem provável que o novo valor possa sofrer aumento considerável, pois o sistema em vigência considera variação do Produto Interno Bruto (PIB) de dois antes anteriores, somado, portanto, à inflação acumulada em um ano.





O impasse para 2011, caso o sistema atual vigore, é que a soma de todas as riquezas e bens produzidos no país (PIB) sofreu queda de 0,2% em 2009 em virtude dos efeitos da crise financeira global.

Leia também:  Salário Mínimo de 2018 pode ser de R$ 979

O PIB de 2010, de acordo com estimativas, poderá alcançar o índice de 7,5%. Em entrevista a jornalistas, de acordo com a agência de notícias Reuters, a ex-ministra-chefe da Casa Civil prevê que em 2014 o mínimo poderá ultrapassar o limiar de R$ 700.

Por Luiz Felipe T. Erdei