Argentina faz retaliação comercial à produtos alimentícios brasileiros



  

A Argentina anunciou na última segunda-feira, 10 de maio, retaliações comerciais contra alimentos brasileiros similares aos feitos no país, medida surpresa, segundo o alto escalão do Brasil, pois quando um intento desses acontece, os dois governos têm de estar cientes.

O portal de notícias G1 avaliou, por meio de ideias expressas pelo jornal O Estado de S. Paulo, que caso haja insistência por parte dos argentinos, nossos vizinhos perderão muito mais do que tencionam a ganhar, pois somente nos três primeiros meses do ano a nação hermana importou aproximadamente US$ 81 milhões em alimentos processados dos produtores tupiniquins, contra US$ 190 mi exportados ao Brasil.

Leia também:  Saque do FGTS Inativo - Calendário de Pagamento Oficial

A partir de 1º de junho a importação de produtos mencionados anteriormente será proibida por Guillermo Moreno, secretário de Comércio da Argentina. No entanto, do dia 10 do próximo mês em diante estabelecimentos serão fiscalizados.





Como forma de rebater as intenções argentinas, o Brasil promete adotar a mesma medida, apesar de o Itamaraty e o Ministério do Desenvolvimento terem dito não ter acesso a qualquer tipo de notificação oficial.

Por Luiz Felipe T. Erdei

Fonte: G1