Mais da metade dos trabalhadores brasileiros possuem carteira de trabalho assinada



  

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) relatou, no início desta semana, que mais da metade dos trabalhadores atuantes pelas empresas privadas nas metrópoles do Brasil possuem carteira de trabalhado assinada. Segundo a entidade, essa é a primeira vez que isso é assinalado em 16 anos.

Quintino Severo, secretário-geral da Confederação Única dos Trabalhadores (CUT), avalia com empolgação os resultados, pois, para ele, a maior formalização do mercado de trabalho e a melhoria dos salários apontam que o Brasil saiu rapidamente da crise. Flavio Castelo Branco, economista da Confederação Nacional da Indústria (CNI), pondera, com os resultados, que esse fator favorece o crescimento do país.





Embora os resultados sejam importantes para o governo, a informalidade ainda continua em alta. Se houvesse maiores incentivos, certamente os percentuais apregoados aumentariam. Inúmeros trabalhadores preferem ter dinheiro incerto, mas promissor, a emprego fixo, garantido e pouco rentável.

Fonte: G1

Por Luiz Felipe T. Erdei