Oi lidera reclamações no Procon de Pernambuco



  

A operadora de telefonia celular “Oi” lidera os registros de queixas no Serviço de Proteção ao Consumidor da capital pernambucana (Procon-Recife). Das 333 reclamações feitas no mês de março, 29 delas foram feitas contra a Oi.

As queixas contra a operadora são as mais diversas, mas principalmente as relacionadas ao descumprimento do contrato de prestação de serviços e  cobranças indevidas.





Depois da Oi, os maiores números de reclamações são contra a loja de eletrodomésticos Eletro Shopping (24 queixas) e a rede de supermercados Wal Mart (antigo Bompreço), com 21 queixas. Em seguida vem empatados, com 13 reclamações, as Lojas Insinuante, o Banco Ibi e a administradora de cartões Hipercard.

Por: Alexandre de Souza Acioli