Governo deve Favorecer Pagamento de Energia Elétrica para População de Baixa Renda



  

O presidente brasileiro Luiz Inácio Lula da Silva voltou a adotar medidas que visam favorecer a fatia da população que ganha até três salários mínimos mensais. A bola da vez é, para essas pessoas, o pagamento de tarifas de energia elétrica subsidiadas pelo governo federal.

De acordo com a lei, então sancionada por Lula durante encontro com Edison Lobão, ministro de Minas e Energia, índios e quilombolas com consumo de 40 kW por mês estão liberados do pagamento. Portadores de deficiências e idosos com mais de 70 anos têm, segundo essa legislação, condições especiais, desde que comprovados alguns pontos.





A redação do Portal Terra divulgou que, diferentemente do critério anterior, de que o subsídio ocorria em virtude do consumo, o novo modo de pensar tem por base a renda do usuário. Portanto, aproximadamente 22,5 milhões de famílias serão beneficiadas.

Leia também:  FGTS Contas Inativas - Dúvidas e Informações

Acesse a reportagem na íntegra aqui

Por Luiz Felipe T. Erdei



Um comentário em “Governo deve Favorecer Pagamento de Energia Elétrica para População de Baixa Renda

  1. Já que o assunto é econômico, qual a justificativa para os Usineiros do Estado SP maior produtor mundial de etanol, oriundo da cana-de-açúcar, aumentar em mais de 50% o preço do álcool, produto hoje negociado nas bombas ao preço de R$ 1,89 o litro, que em outras regiões que tem o problema do frete e pouca demanda de produção são mais econômico abastecer com o álcool, inviável em SP. Eles alegam as chuvas (mentirosos!!!os atrasos no termino da colheita se deu em função do aumento das áreas plantada e a capacidade das usinas serem insuficientes para a demanda.) Como é um produto essencial a população, vocês não achariam que o governo deveria alem da redução 25% para 20% da mistura na gasolina mexer na taxa de exportação do açúcar, pois a totalidade dos usineiros parou de fabricar o etanol para produzir o produto objetivando exportar para a Índia, na maior tranqüilidade e com isso o preço interno acabou aumentando e assim mexendo com a Inflação do pais. Voces não achariam que o Governo Lula, que comprou a idéia do “combustível do século” forçou a redução do IPI para as montadoras venderem o carro flex., objetivando ajudar os usineiros, aumentou as áreas de plantio da cana-de-açúcar no pais, através do zoneamento, flexibilizou a entrada de capital estrangeiros para investir nos projetos existente e aumentar o parque industrial, utilizar a força da Lei 1.521 crime contra a economia popular já que os usineiros formaram um gigantesco cartel e colocar uma meia dúzia de usineiros na cadeia?