Aumento Cheques Sem Fundo no Brasil



  

Embora a economia brasileira tenha apresentado recuperação nos seis últimos meses do ano passado, o Indicador Serasa Experian de Cheques sem Fundos revelou que, independentemente disso, o descumprimento com ordens de pagamento atingiu recorde em cheques devolvidos pela segunda vez. O percentual alcançado, então, é de 2,15%, o maior índice já percebido desde 1991, de acordo com a Agência Estado.

A reportagem revela que a Serasa Experian julga o pouco crédito do primeiro semestre de 2009 o grande responsável por esses dados. Na ocasião, a inadimplência anotada pelo próprio instituto foi de 2,30%, o pior, conforme a AE, assinalado por esse medidor.

O Estado que mais se destacou negativamente foi o Amapá, com devolução de 10,2% dos cheques emitidos. São Paulo ocupa o status oposto dessa análise, pois foi o que menos apresentou o descumprimento, num percentual de 1,64%.

Leia também:  Saque do PIS-Pasep para Idosos




Para os próximos meses de 2010, indica a matéria, a perspectiva é que esse índice apresente um baque significativo devido ao progresso da economia pelo país e pelo mundo.

Confira outras análises da matéria aqui.

Por Luiz Felipe T. Erdei