Indústria de Papelão ondulado cresce no país



  

Inúmeros setores foram beneficiados pelas medidas adotadas pelo governo federal no combate à crise financeira. A indústria de papelão ondulado foi uma delas, pois conseguiu saldar números negativos e encerrar 2009 com um resultado praticamente estável se comparado a 2008.

Segundo a Agência Estado, dados iniciais da Associação Brasileira do Papelão Ondulado (ABPO) revelam que o segmento comercializou 2.273.780 toneladas do produto no ano passado, uma variação de 0,1% levemente negativa se comparada a 2008.





Para representar melhor esse percentual, nos primeiros seis meses de 2009 o setor apresentava contração de 7,08% em comparação ao período igual de 2008.

Em dezembro do ano passado, as vendas no setor totalizaram uma alta de 25,02% ante o mesmo mês de 2008, principalmente devido ao acentuado comércio na época de Natal. De acordo com a AE, esse foi o melhor resultado da história para o último mês de cada ano.

Por Luiz Felipe T. Erdei