Mantega acredita em maior desenvolvimento econômico em 2010



Com um discurso aparentemente diferente do habitual, Guido Mantega, ministro da Fazenda, afirmou, em reportagem veiculada pela Agência Estado, que tem colocado o pé no acelerador da economia brasileira. Para ele, a nação deu início a um novo ciclo de crescimento. Entretanto, não garantiu que novas medidas de incentivo serão adotadas até o final de 2010.

Na ocasião, de acordo com a Agência Estado, o ministro falou sobre o projeto do trem de alta velocidade, que tem por proposta ligar Campinas, Rio de Janeiro e São Paulo. Isso será viável, pois o Brasil, segundo ele, está saindo forte da crise financeira mundial, juntamente com outros emergentes.



Mantega ressalta que antes da crise econômica o país apresentava um crescimento de 6,5% ao ano, mas que com o advento dela, caiu para 2%. No atual momento, porém, ilustra um desenvolvimento de 5%, com possibilidades de aumentar ainda mais em 2010, impulsionado, sobretudo, pelas vendas de final de ano.

Por Luiz Felipe T. Erdei