Bens de capital apresenta alta de 5,9% em outubro deste ano



  

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) relatou que a produção de bens de capital registrou ascensão de 5,9% em outubro ante seu mês antecessor. No entanto, em comparativo com o mesmo período de 2008, há um retrocesso de 16,8%.

Em 2009, a produção de bens de capital aglomera um baque de 22%, mas num período de exatamente um ano, há recuo de 19,4%. Mesmo assim, as categorias de uso assinalaram altiva produção em outubro em comparação com o mês de setembro.





Além de bens de capital, outros segmentos apresentaram dilatação, entre eles bens de consumo duráveis, com 5,9%, bens intermediários, com 1,2%, e bens de consumo semi e não duráveis, com 1,3%. Mesmo assim, atesta a Agência Estado, apenas a categoria de bens duráveis teve alta anotada, na produção, em 2,8%.

Por Luiz Felipe T. Erdei