Faturamento de Comércio Eletrônico com Natal deve Crescer 30% este Ano



  

O comércio eletrônico deve ser um dos maiores beneficiários das compras de final de ano. Segundo o portal de consultoria e-bit, estima-se que as vendas para este Natal superem em 30% o mesmo período de 2008, com marca de movimentação de R$ 1,63 bilhão ante R$ 1,25 do ano anterior.

De acordo com Reinaldo Martins, coordenador de marketing da Tray Sistemas, empresa especializada na divulgação e comercialização de produtos por meio de lojas virtuais, esse aumento reflete o crescimento do número de pessoas conectadas à rede mundial de computadores, dos quais, para ele, 20 milhões dos 50 milhões de indivíduos já fizeram compras pela internet.

Leia também:  Calendário para Saque do FGTS Inativo




A e-bit revela dados próximos a essa estimativa. Para o portal, apenas 25% das pessoas com acesso a internet podem fazer, de fato, compras pela rede, o que significa 17 milhões de e-consumidores. Entre os produtos mais procurados estão eletrodomésticos, livros, eletrônicos e produtos de informática, saúde, beleza e medicamentos.

Por Luiz Felipe T. Erdei