Governo de São Paulo irá aumentar piso salarial dos trabalhadores




O piso salarial de trabalhadores de São Paulo que não possuem sindicatos organizados, ou possuem sindicato muito fraco, poderão ser reajustados pelo Governo do Estado.

Conforme o projeto-lei, o piso salarial de empregadas domésticas, motoboys e serventes passa a valer R$ 505. Já o piso para manicures, pedicures, cabeleleiros e vendedores será de R$ 530, e a faixa salarial para pintores, garçons, e encanadores será de R$ 545.


O projeto-lei deverá ser entregue ainda hoje na Assembléia Legislativa para ser aprovado. A expectativa do Governo é que ele entre em vigor a partir de abril.


Leia também:  Salário Mínimo 2018 - Valor