Crise Econômica: Paulistanos estão evitando endividamentos

  

  

O percentual de endividados em São Paulo é o menor em cinco anos, segundo a Federação do Comércio do Estado de São Paulo – Fecomercio-SP. Segundo a entidade, os consumidores paulistas estão mais cautelosos por causa da incerteza dos efeitos da crise econômica mundial.

A taxa de edividamento em janeiro foi de 45% e em fevereiro alcaçou 38%, a menor desde 2004.


De acordo com a pesquisa, 12% das famílias paulistanas estão com as contas atrasadas, uma diminuição de 2 pontos com relação ao mês anterior.

A mesma pesquisa mostra que os homens são os mais endividados do que as mulheres e o principal tipo de dívida é com o cartão de crédito (46%), seguido de dívidas com carnês (28%), crédito pessoal (8%), cheque especial (4%), cheque pré-datado (2%), crédito consignado (2%) e outros tipos de dívidas alcançam 10% dos consumidores.

Leia também:  Consultar Nome no Serasa Experian pelo Computador