A partir de hoje consórcios poderão ser utilizados para quitar financiamentos, viagens e até cirurgias plásticas



Entra em vigor hoje (06/02) as novas regras para consórcios, de acordo com a Lei 11.795, de 8 de outubro de 2008, regulamentada pelo Banco Central nesta última quarta-feira. 

Os consórcios poderão ser utilizados para quitar financiamentos bancários, pagar por serviços médicos, cirurgias plásticas, próteses dentárias, viagens e cursos no exterior.



A partir de agora, quando o consumidor desistir do consórcio, poderá reaver o dinheiro pago em menos tempo. O consorciado irá continuar a participar dos sorteios e, quando for contemplado, receberá o valor das parcelas pagas, não precisará mais esperar até o final do prazo do consórcio para conseguir o dinheiro de volta.

De acordo com a nova lei, os consórcios poderão ser utilizados para quitar financiamentos bancários, quando o consorciado for contemplado por meio de lance ou sorteio. Para isso o bem fianciado deverá estar no nome do consorciado e o consórcio deverá ser do mesmo tipo do bem. 



Por exemplo: para utilizar o consórcio para pagar um financiamento de imóvel, você não poderá utilizar um consórcio de carro para pagá-lo, o consórcio utilizado deverá ser de imóvel.

A vantagem é que o consumidor poderá trocar os juros bancários pela taxa de administração do consórcio, que é bem menor.

Outra novidade é que agora as administradoras de consórcios poderão oferecer outros tipos de serviços como viagens, cursos de pós-graduação no exterior, próteses dentárias, serviços médicos e tratamento estético. O consorciado terá a opção de escolher o médico que irá tratá-lo.

A lei trará mais segurança aos consorciados, pois se tornaram mais rigorosas para as administradoras que não seguirem as novas regras. De acordo com o Banco Central, a nova lei irá estimular a concorrência entre as Administradoras.

Leia também:  Economia brasileira impulsionada pelos Alimentos

De acordo com a Associação Brasileira das Administradoras, a nova lei irá estimular ao planejamento para poupar e adquirir um bem e serviço sem juros

Outros Conteúdos Interessantes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *