Atualizações anteriores



Mercosul terá movimentação de trabalhadores facilitada


Uma parceria feita nesta última semana entre os Ministérios do Trabalho dos países integrantes do Mercosul irá beneficiar trabalhadores de todas as nações desta zona de livre comércio.

Isso porque foi acordado que os órgãos destes países irão elaborar no primeiro semestre de 2013 propostas para facilitar os movimentos de trabalhadores na região do Mercosul.

Dentre as novas possibilidades estão melhorias na fiscalização de fronteiras, validação de certificados profissionais com reconhecimento de diplomas, coordenação entre serviços públicos de emprego e o alinhamento dos códigos profissionais dos países.

A apresentação das propostas será feita em março de 2013 em um novo encontro que será realizado na cidade de Montevidéu no Uruguai.

Fonte: Valor Online

Por Ana Camila Neves Morais



Mercosul – Presidente Lula quer divulgar seus acordos


A aprovação singular do governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva tem por referência a ampla aceitação da população brasileira para com suas iniciativas nos últimos sete anos, mais alguns meses. Programas de cunho sociais, entre eles o “Bolsa Família” e o “Farmácia Popular”, por exemplo, levaram benefícios diferenciados às classes menos favorecidas da sociedade. O “Minha Casa, Minha Vida”, outra iniciativa popular, ainda permite a aquisição de imóveis com benefícios de até R$ 23 mil – dependendo da remuneração familiar mensal.

Evidentemente, existem aqueles que se opõem aos seus programas, principalmente em ano eleitoral, o qual a postulante preferida pelo ex-sindicalista é Dilma Rousseff, do Partido dos Trabalhadores. Não satisfeito somente com o Brasil, Lula quer expandir sua área de atuação a outros planos, como é o caso do Mercado Comum do Sul (Mercosul).

Alexandre Padilha, ministro das Relações Institucionais, afirmou recentemente que o presidente quer ser recordado nos últimos meses deste ano à frente da presidência do bloco econômico pelos progressos nas áreas produtiva e social da região. Em reportagem veiculada pelo portal de notícias G1, relacionou que algumas das menções feitas por Lula no que se refere à sua intenção (de ser lembrado) são os acertos acordados no setor de água doces e o fim da cobrança da TEC (Tarifa Externa Comum).

Por Luiz Felipe T. Erdei