Atualizações anteriores



PanAmericano – Lançamento de cartão de compras pré-pago


As classes sociais com remunerações mais baixas foram destacadas positivamente pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva quando o país começou a apresentar os primeiros sinais de superação ante a crise financeira global. Atualmente, considera-se que a nova classe média – sim, existe uma denominação específica – tem acesso mais fácil aos serviços e bens de valores elevados.

Com foco principal nas classes D e E, o PanAmericano acaba de anunciar a chegada do primeiro cartão pré-pago no país sob a bandeira da MasterCard. De acordo com Eliel Teixeira de Almeida, diretor de cartões do banco, os supermercados terão função capital na propagação desse meio.

Dados mais recentes do Banco Central (BC) apontam que 55% das pessoas não possuem acesso aos serviços de banco. Este é exatamente o escopo do PanAmericano, que antes de trazer a novidade ao Brasil observou sistema semelhante em outros países da América Latina, capaz de movimentar, anualmente, US$ 12 bilhões, com potencial para alcançar US$ 80 bilhões.

Deliberações iniciais indicam que o usuário desse sistema de pagamentos poderá recarregar o cartão com até R$ 6 mil mensais – máximo de R$ 3 mil por dia. As casas lotéricas de todo o país serão as responsáveis pela recarga do cartão.

Para a aquisição, o consumidor precisa dispensar R$ 10 e apresentar, no ato do cadastro, apenas o CPF.

Por Luiz Felipe T. Erdei

Fonte: Associação Brasileira de Supermercados