Atualizações anteriores



São Paulo – Faturamento do varejo bate recorde em janeiro de 2011


Os reflexos do bom patamar econômico brasileiro de 2010 ainda podem ser sentidos neste início de 2011. Após o Produto Interno Bruto (PIB) apresentar crescimento de 7,5% no último ano, o Varejo de São Paulo, em particular, registrou o maior faturamento para janeiro, de R$ 8,8 bilhões.

Dados examinados pela Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (Fecomercio) assinalam que no confronto com janeiro de um ano antes, a alta chegou a 6,6%. A Pesquisa Conjuntural do Comércio Varejista (e-PCCV), realizada em sociedade com a e-Bit, assinalou números positivos em todos os setores sondados, exceto Lojas de Vestuário e de Departamento.

O índice contabilizado indica que o nível de consumo no decorrer deste ano será bom, sobretudo se a tão fomentada massa salarial permanecer na tendência ilustrada em 2010. Além desse indicativo, as medidas de restrição ao crédito parecem não ter assustado os paulistas, uma vez que o volume de empréstimos saltou 11% em janeiro de 2011 em comparação ao período igual de um ano antes.

Delimitada por setores, a pesquisa revela que as Lojas de Eletrodomésticos e Eletroeletrônicos registraram faturamento superior em 42,4% e 27,4%, respectivamente. Acompanharam estes os segmentos de Veículos Automotores, com alta de 10,6%, Móveis e Decoração, com incremento de 10,2%, e Material de Construção, que avançou 1,9%.

Por Luiz Felipe T. Erdei