TCU e Petrobras criam grupo para investigar superfaturamento

     

Na finalidade de debater investigações sobre projetos geridos pela Petrobras, a estatal e o Tribunal de Contas da União (TCU) informaram a criação de um grupo de trabalho para tal objetivo.

A primeira reunião a ser realizada dessa parceria ocorrerá nos primeiros quinze dias de fevereiro, daqui a quatro semanas.

A Petrobras, para início, mencionou alguns dos projetos investigados pelo TCU, que são a Refinaria do Nordeste, localizada em Pernambuco, o Terminal Barra do Riacho, situado no Espírito Santo, a Refinaria Getúlio Vargas, no Paraná e o Complexo Petroquímico do Rio de Janeiro.

Em dados gerais, há 12 irregularidades apontadas pelo Tribunal de Contas. Suspeitas de superfaturamento são um dos pontos abordados, prontamente negados pela Petrobras.

Por Luiz Felipe T. Erdei